Feira ganha 2ª Vara da Fazenda Pública com apenas um servidor

7 Nov 2013

Por Zenildo Castro
O Tribunal de Justiça da Bahia instalou em Feira de Santana, a 2ª Vara da Fazenda Pública, sem servidores para suprir o quadro, tendo que retirar de um cartório que já se encontra deficitário para o outro. A Mesa Diretora do TJBA acha que a solução é instalar Varas, designar magistrados, porém não realiza concurso para cobrir o déficit de cerca de 10 mil servidores no judiciário baiano.
O mesmo caso vem acontecendo em diversas comarcas de entrância intermediária e final. A Diretoria Executiva do Sinpojud vem a público esclarecer à sociedade que servidores são seres humanos com suas limitações e que constantemente adoecem, em virtude da sobrecarga de trabalho e na maioria das vezes sem nenhum tipo de remuneração os reconhecimento e valorização do esforço a que são submetidos.
Diante de uma demanda de serviços existentes e já acumulados, de que forma que o Tribunal de Justiça da Bahia acredita ser capaz de prestar um serviço de qualidade e excelência aos jurisdicionados? Fica a questão.