Diretoria participa de aula pública sobre vírus HTLV

  • Publicado: 1 Out 2019, 10:37
  • 1194 Visualizações


O diretor de Comunicação e Política Sindical do Sinpojud, Cristovam Lima, participou na última sexta-feira (27) da aula pública sobre HTLV, promovida pela vereadora Aladilce Souza e Associação HTLVida.

O evento, realizado na Praça da Piedade, teve como objetivo informar a população sobre a ocorrência do vírus que hoje atinge cerca de 135 mil pessoas. A Bahia é o estado com o maior número de casos do HTLV no país e apesar do alto índice, o vírus ainda é pouco conhecido pela população. “Na maioria das vezes o contágio ocorre pela falta de prevenção ou pela não realização de exames periódicos. Por isso achamos importante dar visibilidade, levando essa discussão para as ruas”, esclarece a vereadora, Aladilce Souza.

O HTLV é uma doença causada pelo vírus T-linfotrópico humano que atinge as células de defesa do organismo, os linfócitos T. O HTLV foi o primeiro retrovírus humano isolado (no início da década de 1980) e é classificado em dois grupos: HTLV-I e HTLV-II. As principais formas de contaminação do vírus são relações sexuais sem proteção, uso de agulhas e seringas contaminadas e aleitamento materno. Apesar de não ter cura, existem formas de tratamento que melhoram as condições de vida dos pacientes.

Para o diretor do Sinpojud a discussão e a luta por políticas públicas é essencial para a prevenção. “É necessário dar visibilidade a essa questão, que envolve a saúde da população e lutar pelo acesso ao diagnóstico do vírus, pela assistência médica das pessoas vivendo com HTLV e pela tomada de medidas para prevenção da infecção”, destaca Cristovam. A aula pública também contou com a participação do biomédico, Felice Deminco.

Associação HTLVida – Atuando desde 2010 a HTLVida luta para tentar prevenir novos casos de HTLV e dar qualidade de vida a quem já vive com o vírus. A entidade possui voluntários que prestam atendimento de nutrição, hipnoterapia, massoterapia, fisioterapia, psicologia, terapia comunitária integrativa e assessoria jurídica. A HTLVida também auxilia no agendamento de consultas e exames, além de encaminhar as pessoas com o vírus HTLV para os centros de referência. Mais informações no site www.htlvida.org.

Texto: Ascom Sinpojud

Voltar | Versão para Impressão