Planserv: SAEB afirma que print de Diário Oficial sobre extinção do Planserv é fake news

  • Publicado: 30 Ago 2018
  • 1685 Visualizações


Após receber diversas ligações de servidores sobre uma suposta publicação no Diário Oficial do Estado da Bahia, desta quinta-feira (30), sobre a extinção do Planserv, a Diretoria de Imprensa do Sinpojud entrou em contato com a Secretaria de Administração para esclarecer o assunto. De acordo com a SAEB o suposto print que circula na internet e seria do Diário Oficial, é uma montagem e se trata de fake news.

A assessoria de comunicação do Sinpojud confirmou a informação da SAEB após conferir a página 37 do Diário Oficial, onde estaria a suposta publicação. Os servidores também podem conferir a verdeira publicação da página 37 através deste link (Clique AQUI).


Confira abaixo a Nota Oficial da Secretaria de Administração do Estado da Bahia:

Novo Fake News falsifica até Diário Oficial

O Planserv tem sido um alvo constante de notícias falsas, que tentam confundir e preocupar seus beneficiários. É preciso ficar atento: o plano de saúde dos servidores estaduais NÃO FOI PRIVATIZADO! Ao contrário, o governo vem investindo na modernização da assistência. Espalhar fake news é crime! Não acredite em informações falsas. Busque a verdade sobre seu plano de saúde. Planserv cada vez mais forte, cada vez mais patrimônio do servidor público da Bahia.

O Planserv, Assistência à saúde dos servidores públicos estaduais, NÃO será privatizado. O secretário de comunicação do estado, André Curvello, esclarece que as informações que circulam pelo Whatsapp e redes sociais são “fake news” e configuram crime, que está sendo investigado pela Secretaria da Segurança Pública (SSP). Ele também reforça que o Planserv está sendo cada vez mais fortalecido e modernizado para prestar um melhor serviço aos beneficiários.


Ministério Público - O Sinpojud entrou no dia 29 de abril com uma representação no Ministério Público da Bahia contra o Planserv, relatando a conduta ilícita que vem sendo cometida, restringindo o número de atendimentos ante a limitação orçamentária do Plano de Saúde, de modo a prejudicar seus beneficiários, até mesmos nos casos de necessidade que colocam em risco a vida de seus associados. . O processo já se encontra tramitando na CEACON sob o número de protocolo IDEA 003.9.66890/2018.

Voltar | Versão para Impressão