Prédio do Fórum Regional do Imbuí volta a tremer

  • Publicado: 8 Nov 2017
  • 853 Visualizações

Após mais uma denúncia de uma filiada lotada na 6ª Vara do Juizado Especial, Patrícia Bonfim, o Sinpojud realizou mais uma vistoria no local, onde foi constatado o tremor do prédio do Fórum Regional do Imbuí.

De acordo com as denúncias dos servidores que estão bastante assustados, houve tremor na segunda-feira e hoje (08). “O tremor de hoje foi o pior que já presenciamos, os computadores e as mesas quase caem no chão”, relatou a servidora.

Segundo pessoas que estavam no prédio, o abalo ocorre sempre que uma máquina de rolo compressor é ligada. O equipamento faz parte da obra do Metrô, que está ampliando o estacionamento e o ponto de ônibus que funciona no local.

Na tarde desta quarta-feira (08), o diretor de Administração do Sinpojud, Cristovam Oliveira foi ao local e conversou com servidores e inclusive com o administrador do Fórum, Marcos Vinícius, que informou que desde maio, quando houve o primeiro tremor e inclusive o Sinpojud além de fazer a vistoria no local notificou o TJBA, o órgão contratou especialistas para fazerem um laudo e detectar o problema. Porém até o momento nenhuma providência foi tomada.

“Já solicitei o laudo do estruturalista desde junho e até o momento não recebi nenhuma resposta”, critica o administrador, que ainda informou que o laudo se encontra no Setor de Obras do Tribunal de Justiça da Bahia.

A equipe de imprensa do Sinpojud que estava no local chegou a comparar as fotos tiradas das rachaduras no prédio em maio deste ano e as tiradas hoje, praticamente dobraram de tamanho. A insegurança e o risco que servidores, advogados, funcionários e todos que frequentam o Fórum estão passando é imensa e pode acontecer uma catástrofe anunciada.
A Diretoria Executiva do Sinpojud notificará o TJBA, através de ofício para que providências urgentes sejam tomadas e para evitar uma tragédia, inclusive com vítimas fatais, caso o p´redio venha a desabar. 



 

Voltar | Versão para Impressão